2 de setembro de 2011

|O Homem do Futuro| Entrevista com a Alinne

Share & Comment

Postado em 21/04/11… Atualizado em 02/09/11

Alinne deu entrevista ao site do filme. Confira!

personagem_helena

Como aconteceu o convite participar deste filme?

Recebi o convite para fazer “O Homem do Futuro” de uma maneira bem inusitada, pois ainda não conhecia o Claudio. Nós nos conhecemos em uma premiação, onde ele foi representar sua mãe, a Fernanda Montenegro. Eu estava terminando a novela Viver a Vida junto com Maria Luiza Mendonça, sua esposa, que também está no filme. Acredito que por sua mulher também fazer parte do elenco da novela ele teve a chance de observar o meu trabalho.

Mais ou menos um mês depois desse encontro ele comentou que para interpretar a Helena, que por algum motivo não poderia mais ser a Ana Paulo Arósio, eu seria perfeita para dar vida à personagem. Fiquei muito feliz, ainda mais depois de ler o roteiro que era incrível e engraçado. Quando soube que teríamos também o Wagner fiquei mais contente ainda.

O que te motivou a participar deste projeto?

O que mais me motivou foi o fato de não ser uma comédia romântica óbvia. Ela passa por diversos gêneros como a ficção cientifica, o drama e o terror. A Helena passa pelo terror de não saber o que está acontecendo e acaba indo parar no meio de uma prisão. A presença de todos no set também foi muito importante, do Wagner, Maria, Claudio, Fernando, Gabriel, Martin e do Della Rosa. Ao ver o resultado, fiquei surpresa com os efeitos especiais e com a fotografia. Tá tudo lindo! Sinto-me honrada e privilegiada em participar de um filme tão diferente de tudo que já foi produzido no Brasil, que fala de ficção científica e amor. Fiquei muito feliz com o resultado.

Como foi a experiência de viver Helena Hope em “O Homem do Futuro”?

Construí a personagem trabalhando com a verdade e me joguei com tudo. Apesar da descontração e dos ataques de risos no set, na hora do “ação”. Eu projetava um pouco de drama, para buscar a minha verdade. Fazer comédia ainda é um pouco complicado para mim, já que não tenho a prática. É mais delicado do que se fazer um drama, pois tudo tem que parecer muito natural.

Como foi trabalhar com este elenco?

Não tenho o que dizer sobre o Wagner, eu já havia tido a oportunidade de trabalhar com ele numa participação de um projeto na Globo e naquela época ele já havia me tratado com uma gentileza absurda. Nessa profissão é necessário ser assim senão não dá certo. No lado profissional ele é um ator que vai da comedia ao drama com uma facilidade surpreendente. Está sempre presente e divertindo a todos. Posso dizer que ele foi um grande parceiro e que quero trabalhar muito mais vezes com ele. Formamos uma grande dupla e tivemos muita química.

Sobre o Fernando, posso dizer que ele é uma pessoa interessante de se ter ao lado e compartilhar. Foi uma surpresa muito grata tê-lo conhecido e descoberto o excelente autor que ele é. Um fato curioso foi que no dia seguinte que ele me presenteou com seu livro eu acabei machucando o pé na minha aula de dança e fui parar no hospital para fazer exames. Fiquei por lá umas seis horas e li seu livro todinho, posso dizer que ele escreve muito bem.

Já havia trabalhado com a Maria Luiza Mendonça em Viver a Vida. Ela é uma pessoa maravilhosa, admirável e guerreira. A primeira vez que a vi em cena foi na minissérie A Engraçadinha e quando a reencontrei quase ajoelhei dizendo que era sua fã. Gabriel Braga Nunes foi outra surpresa. Ele é uma figura hilária, um excelente ator e estava sempre de bom humor. Como eu disse, nesse filme todos mantiveram um clima de leveza e amizade e mesmo nas cenas mais difíceis a bola nunca caiu. Tenho a certeza que isso se deve a todos, aos personagens, aos atores e a equipe.

Houve alguma cena particularmente difícil de ser feita em 'O Homem do Futuro'?

A cena que mais me marcou entre todas as outras foi a de cantar o clássico Tempo Perdido da Legião Urbana para tanta gente entre figurantes, equipe e o próprio Wagner que também é cantor e tem sua própria banda. Pode não parecer, mas sou muito tímida.

Como os 400 figurantes ainda não haviam participado da filmagem estavam extremamente empolgados para a cena e pareciam realmente estar num show de rock. Senti-me uma verdadeira estrela, quase uma popstar. Cheguei a me emocionar com toda aquela energia.

O que você acha que o público pode esperar deste filme?

Tenho certeza de que em “O Homem do Futuro” o público vai encontrar um pouco de tudo, um pouco de comédia, inteligência, ação, romance, drama… É como o Rio de Janeiro, a cidade que escolhi para viver. Aqui temos também um pouco de tudo, montanhas, praias, mato, o cristo redentor, o trânsito de São Paulo, a boemia da Lapa, a MPB e o Rock n’ roll.

O que você costuma assistir no cinema?
Gosto de poesia e dramas familiares. Amo Woody Allen e  Almódovar. Entre os meus filmes preferidos, de outros diretores, estão “O Filho da Noiva”, “Último Tango em Paris”, “Laranja Mecânica” e “O Pianista”. Gosto de filmes bons. Além dos nacionais, curto filmes argentinos e franceses.

 

  • Diretor do filme e Wagner Moura falam da Alinne

Como foi o processo de escolha do elenco?

Cláudio Torres: A Alinne veio bem mais tarde. Eu a vi na novela de Manuel Carlos onde interpretava uma tetraplégica. De repente vi aquela garota representar com os olhos e isso me impressionou. Era o que precisava para o filme. A mulher por quem o personagem de Wagner se apaixona na universidade se tornaria uma modelo de projeções internacionais nos moldes de Gisele Bündchen. O talento e a beleza da Alinne tornaram críveis essas proposições. Ela é uma mulher deslumbrante, um anjo de pessoa, totalmente desprovida de ego, tranquila e intuitiva na maneira de representar e entender a cena. No set brincávamos com sua facilidade de chorar, chamávamos de as lágrimas amestradas de Alinne. Ela está incrível no filme.

13_1715-wagner-aline

Como foi o trabalho com o restante do elenco?

Wagner Moura: Tive também o prazer de ter a Alinne Moraes, que eu já havia contracenado num projeto da Globo há muitos anos. Ela é uma atriz de primeira e brilhante.

 

Fonte: http://ohomemdofuturo.com.br

Tags: , , ,

0 Comentários:

 

Mural de Recados

Fan Page no Facebook

Projetos

→ Rock Story (Novela) - No ar
→ 'Os Saltimbancos Trapalhões' (Em Cartaz)
→ 'A Paixão Segundo João' (Cinema)

Tumblr

Instagram Oficial @AlinneMoraes

Copyright © Alinne Moraes Fãs | Designed by Templateism.com